image Boas práticas de Landing Page para E-Commerce: da captação à conversão image Como construir uma base de Leads qualificada e vender com autoridade

Checklist do Marketing Digital: 10 itens para conferir em sua Empresa

checklist-marketing-digital-10-itens-para-conferir-em-sua-empresa

Saber se a sua empresa está bem alinhada com as melhores práticas de marketing digital não é tão difícil — mas pode ser uma prática ainda mais facilitada quando contamos com os melhores instrumentos à mão.

Pensando nisso, e no quanto os empreendedores possuem esse tipo de dúvida com relação ao seu negócio, nós bolamos um verdadeiro check-list do marketing digital!

Nele, você acompanha, item por item, os pontos indispensáveis em qualquer estratégia de marketing na internet, e consegue perceber o que falta para ser investido e adaptado ao seu negócio. Confira!

1. A criação de um site

Hoje em dia, este é, basicamente, o primeiro passo para buscar a visibilidade on-line. Afinal de contas, como o seu público-alvo vai encontrar o seu negócio se você não possui nada on-line que direcione as buscas deles até você?

Assim, antes mesmo de idealizar qualquer estratégia, comece planejando a construção do seu site — adiante, falaremos um pouco mais sobre ele.

2. A criação de um blog

Outra página fundamental na atração e captação de novos clientes é o blog. Nele, você explora os diferenciais da sua marca, as necessidades e carências do seu setor de atuação e, também, as oportunidades.

É o momento ideal para você mostrar que é a referência definitiva do seu ramo. Quanto mais publicações relevantes ao seu público-alvo você concentrar no blog, mais chances você tem de pessoas interessadas no que você tem a oferecer encontrem o seu negócio.

3. A criação de páginas nas Redes Sociais

As redes sociais estão muito em evidência, ultimamente, e com oportunidades não apenas para a socialização de pessoas, mas para a profissionalização do seu negócio.

Mas, antes de montar páginas do seu empreendimento nas dezenas de redes sociais, faça um planejamento mais assertivo e procure saber onde o seu público-alvo mais se concentra.

Em geral, o Facebook é a página mais utilizada, então convém a produção de conteúdo focada nessa mídia social, mas suas estratégias podem ser complementadas com outras. Vale a pena o planejamento neste aspecto.

4. A produção de conteúdos periodicamente

Com todas as páginas criadas, o enfoque, agora, é na produção gradual de conteúdo. Para isso,um calendário editorial é essencial.

Mas, você deve estar se perguntando, o que é um calendário editorial?

Ele é, simplesmente, a periodicidade com a qual você vai manter as suas páginas (sites, blogs e redes sociais) atualizadas para manter uma base de leitores informada e trafegando pelo seu site ou blog.

Lembre-se: um conteúdo de qualidade, que desperte a atenção do público-alvo, é imprescindível neste ponto estratégico de marketing digital.

5. A criação de landing pages

As landing pages são importantes maneiras de capturar o seu público-alvo. Não à toa, elas também são conhecidas como páginas de captura.

Elas ajudam, acima de tudo, a atrair mais pessoas até o seu negócio e, para isso, podem ser oferecidos diversos materiais a eles, como:

  • PDFs informativos;
  • Infográficos;
  • E-books;
  • Vídeos gratuitos.

Entre outros materiais, é claro. Convém, sempre, analisar as mídias mais consumidas pelo seu público-alvo e saber em que momento eles se encontram na jornada do cliente para gerar o conteúdo mais assertivo possível.

6. A criação de anúncios no Google e nas Mídias Sociais

Além das buscas orgânicas, os anúncios pagos do Google e em diversas mídias sociais podem facilitar o trabalho de atrair clientes até as suas páginas.

A vantagem é que os investimentos são, relativamente, baixos se comparados a outras mídias tradicionais. Por isso, cheque a possibilidade de apostar nesse modelo de campanha.

7. A otimização do site e do blog com técnicas de SEO

O SEO continua em alta, e é uma das principais garantias de que as suas páginas estão alinhadas, de fato, com aquilo que o seu consumidor ideal está à procura.

Por isso, trabalhe profundamente na otimização dos conteúdos do blog e do seu site ou loja virtual. Assim, há chances ainda maiores de você estar nos primeiros resultados orgânicos dos sites de busca.

8. A automação de marketing

Estratégia ampla, na qual o empreendedor visa cercar o seu público-alvo de atenções em todos os momentos de sua jornada de compras.

Assim, ainda que o cliente não esteja no fundo do funil de vendas, pronto para efetuar uma compra, você mantém o interesse dele alto, para que essa conversão possa acontecer futuramente.

9. A venda para leads

Leads, no jargão do marketing digital, é um contato qualificado a se tornar um cliente. E isso acontece com uma integração precisa entre as suas áreas de marketing e de vendas.

10. Newsletter para manter contato com o cliente

Da mesma maneira que um atendimento presencial não se encerra no “até logo” para o cliente, o marketing na internet também funciona por meio de um pós-venda eficiente.

E poucas ferramentas são tão úteis quanto uma newslewtter, que, além de personalizar ofertas, também podem manter o interesse do cliente nos seus produtos ou serviços, mesmo após ter feito alguma compra na sua empresa há algum tempo.

Resultado do check-list do marketing digital

E aí, conferiu, ponto a ponto, como anda a situação da sua empresa com relação à presença digital dela, e como andam suas estratégias de marketing na internet?

 

Caso tenha ficado com alguma dúvida, com relação a algum item do nosso check-list do marketing digital, compartilhe conosco no campo de comentários deste post!

Marketing Digital de Resultados: Como captar clientes pela internet

Você também vai se interessar por: