image Branding: o quanto ele é importante no Marketing Digital image Pós-venda no E-commerce: como motivar o cliente a fazer novas compras

Dicas infalíveis para criar uma Newsletter de sucesso

dicas-infaliveis-para-criar-uma-newsletter-de-sucesso

Despertar o interesse no cliente pela sua marca é uma das melhores maneiras de fidelização.

Com o avanço da internet, hoje em dia está cada vez mais comum as pessoas optarem por fazer qualquer tipo de transação pela web.

Pagar contas, resolver problemas, comprar produtos, contratar serviços, estudar ou solicitar orçamentos são apenas alguns dos exemplos de todas as possibilidades que a rede mundial de computadores oferece para os seus usuários.

A cada dia que passa, o processo de automação está mais completo e com isso é possível saber exatamente qual é o gosto e as preferências do seu público-alvo.

Para ter a oportunidade de ficar mais próximo de seus clientes, as empresas se utilizam de ferramentas de compartilhamento de conteúdo, como e-mail marketing e newsletters, por exemplo.

É comum a grande maioria das pessoas confundirem esses dois exemplos mas, estamos aqui para dizer que eles não são a mesma coisa e, inclusive, possuem funções bem distintas.

O e-mail marketing é uma ferramenta, como o próprio nome diz, de marketing digital. Pode ser utilizado pelas empresas para divulgar a promoção de algum produto ou serviço, onde o verdadeiro CTA (call-to-action) é vender.

Para que ele seja realmente efetivo, não é de bom tom ser enviado todos os dias. De algum tempo para cá, podemos perceber que o comportamento dos clientes mudou, eles não querem mais ser bombardeados por ofertas o tempo todo.

Além de consumir, eles querem conversar com as marcas, estabelecer um relacionamento e sentir que são importantes para a empresa que eles são clientes.

É aí que a newsletter entra na jogada e pode se tornar a peça-chave nesse relacionamento.

Com a intenção de disponibilizar conteúdos interessantes e, na grande maioria das vezes, educativos, elas estabelecem um relacionamento com o seu cliente, aproximando cada vez mais a sua marca das pessoas.

Se dedicar na criação de uma newsletter, pensando em cada detalhe e sempre atento ao seu público-alvo é apenas uma das maneiras de conquistar o engajamento dos seus clientes.

Para te ajudar a criar uma newsletter interessante, veja algumas dicas que separamos para você.

dicas-infaliveis-para-criar-uma-newsletter-de-sucesso-2

1. A newsletter é realmente necessária?

Esse é o primeiro ponto a ser avaliado. Muitas vezes o seu negócio não tem a necessidade ou demanda o suficiente para poder sustentar a produção e o envio de um material regularmente.

Nesses casos, é mais viável pensar em outro tipo de conteúdo a ser disponibilizado para as pessoas, como e-books, blogs etc.

Avalie cada detalhe sobre a sua empresa e qual é a quantidade de assunto que pode ser abordado dentro do seu segmento. Muitas vezes é melhor direcionar os seus esforços para outro tipo de material do que produzir um sem periodicidade ou qualidade.

2. Planeje qual tipo de conteúdo será abordado

O planejamento é essencial para além de se aprofundar em pesquisas a respeito do assunto a ser falado, criar uma espécie de calendário editorial e saber quais são as pautas a serem abordadas.

Para ter um foco maior, faça um rascunho de todos os possíveis temas a serem escritos. Aqui não tem proibição nenhuma, vá colocando tudo no papel e, depois, com o passar do tempo, você irá lapidando essa lista, avaliando o que é realmente interessante de ser escrito.

3. Não faça da sua newsletter um e-mail marketing

Como já explicamos logo acima, existe uma grande diferença entre e-mail marketing e newsletter e isso não pode ser confundido ao longo do tempo.

Enquanto uma vende, a outra fornece conteúdo. Não estamos querendo dizer aqui que você não pode indicar a compra de algum produto que seja vendido pela sua empresa.

A newsletter precisa ter um certo equilíbrio para ser interessante, o ideal é que ela seja 90% de conteúdo e apenas 10% promocional.

Desse jeito, você envolve o leitor com mais facilidade e ainda tem a chance de mostrar o seu produto sem parecer um varejista desesperado por vendas.

dicas-infaliveis-para-criar-uma-newsletter-de-sucesso1

4. A primeira impressão é a que fica

Como estamos falando de internet, todos sabemos que chamar atenção e mostrar o seu diferencial é fundamental para você conseguir os leads desejados.

Portanto, ao optar por produzir uma newsletter para a sua empresa, pense com carinho em cada detalhe. Desde como será a “chamada” para despertar o interesse no seu público de se cadastrar, até a identidade visual que será utilizada.

Não adianta de nada você ter um ótimo planejamento e pautas se o seu material não for envolvente.

Ter uma newsletter interativa, com CTA’S que dão resultados e chamam atenção somado a um design bonito e agradável são garantias de um maior interesse por parte do seu público.

5. Facilite o cancelamento do envio da newsletter

Convenhamos, é muito desagradável ficar recebendo e-mails que não nos interessa, não é mesmo?

Então, não seja este tipo de empresa. Deixe sempre bem claro em algum lugar padrão da sua newsletter que o leitor pode se descadastrar a qualquer momento que ele julgue necessário.

Assim, a sua empresa não passa uma impressão ruim e mostra respeito com os leitores.

Outra questão é que o link para descadastramento ajuda evitar que a sua newsletter seja identificada como spam pelos provedores de e-mail.

A newsletter é uma ótima ferramenta para produção e envio de conteúdo, com ela você consegue ficar mais próximo do seu cliente, estabelecendo uma relação de confiança e troca de conhecimento.

O marketing digital é um dos assuntos mais extensos nos dias de hoje e nós da Onflag estamos aqui para te ajudar a entender tudo a respeito deste universo.

Agora que você já aprendeu sobre como fazer uma newsletter interessante e funcional, que tal fazer o download do nosso e-book exclusivo sobre Inbound Marketing e assim aumentar ainda mais o seu conhecimento?

E aí, o que achou do nosso texto? Vai aplicar essas boas práticas na sua empresa?

Conte aqui pra gente nos comentários.

inbound-marketing-para-empresas

Você também vai se interessar por: