image Como a Internet das Coisas pode transformar o marketing image Aprenda Tudo de Marketing Digital, de Uma Vez por Todas

    Por que o spam pode prejudicar a minha estratégia de marketing?

    Por que o spam pode prejudicar a minha estratégia de marketing?

    O spam pode ser o grande vilão das suas estratégias de marketing. Quer saber o motivo? Veja o nosso post!

    Todo mundo já recebeu um e-mail invasivo que, provavelmente, não tinha solicitado, não é mesmo? Muitas vezes, esses conteúdos trazem informações irrelevantes, com promessas milagrosas sobre como ficar milionário em poucos meses ou emagrecer 10 kg em uma semana.

    Geralmente, esses conteúdos são criados por pessoas mal-intencionadas que desejam anunciar os seus produtos por um valor muito baixo e, até mesmo, acessar os seus dados pessoais e bancários. Um perigo!

    Por isso, é importante evitar que o seu e-mail marketing seja considerado um spam na caixa de entrada dos destinatários. Quer saber como evitar essa situação? Acompanhe o nosso post e veja as nossas dicas!

    O que é spam e por que ele é ruim?

    Por que o spam pode prejudicar a minha estratégia de marketing?

    Spams, conhecidos em inglês como Sending and Posting Advertisement in Mass, são mensagens eletrônicas enviadas para uma grande quantidade de pessoas online sem autorização prévia. Em linhas gerais, é uma forma de fazer a publicidade de um produto ou serviço atingindo um público amplo.

    Além disso, os usuários correm o risco de sofrerem golpes, contrair vírus para o computador, entre muitos outros incômodos.

    Com certeza, todas essas características são muito negativas. Agora, imagine se esse perfil for atribuído à sua empresa? O spam é capaz de comprometer não somente a imagem da sua marca no mercado, como também, dificultar o relacionamento da sua empresa com os consumidores.

    Por essa razão, todo cuidado é pouco. Hoje em dia, há ferramentas que bloqueiam a entrada de spams na caixa de entrada de e-mail, mas, ainda assim, muitas mensagens reais são confundidas com esse tipo de conteúdo e acabam colocando o e-mail da empresa na lista negra do mundo digital.

    Como um e-mail marketing se torna spam?

    Por que o spam pode prejudicar a minha estratégia de marketing?

    Muitos empresários e profissionais de comunicação ainda desconhecem as razões que levam o e-mail marketing a ser confundido com um spam. Se você é uma dessas pessoas, fique atento, nós explicamos pra você.

    O primeiro fato a ser notado é que ambos conteúdos são enviados com a mesma finalidade: comercial. Sendo assim, quando a sua marca envia um e-mail para o usuário sem nenhuma autorização, o mesmo pode marcar a mensagem como “spam”.

    Agora, já pensou se diversos contatos do seu mailing tomarem essa atitude? A sua taxa de entrega cairá absurdamente! Outro ponto que merece atenção diz respeito aos servidores de e-mails.

    Muitos deles, cansados dos spams, tomaram a iniciativa de rastrear o IP dos remetentes que faziam uso constante dessa prática. Uma vez identificado como spam, esse servidor entra em uma espécie de lista negra e dificilmente consegue sair.

    O que fazer para fugir do spam?

    Por que o spam pode prejudicar a minha estratégia de marketing?

    A melhor maneira para não ser considerado spam ou sair da lista negra dos servidores é enviar e-mails somente com a permissão dos usuários. É interessante que você faça uso das boas práticas para jamais ter novos problemas e manchar a imagem da sua empresa junto aos clientes. Confira alguns pontos cruciais:

    Crie um mailing sólido

    A dica de ouro é manter-se longe das listas prontas de e-mail. Essa prática fará com que você perca tempo, enviando mensagens para usuários que não são seus consumidores reais, e ainda, correrá o risco de cair na blacklist dos servidores. O melhor caminho é construir o seu próprio mailing, solicitando os dados de contato do consumidor sempre que efetivar uma compra, por exemplo.

    Produza e-mails em formato HTML

    A maioria dos e-mails são enviados no formato HTML. Ainda assim, há quem faça uso do envio de conteúdos utilizando uma única imagem, como é o caso das JPGs. Essa é uma das práticas que colaboram para que o seu e-mail seja considerado spam. A dica é produzir um e-mail com 50% de texto e 50% de imagem. Não tem erro!

    Permita que o usuário se descadastre quando desejar

    O segredo é deixar o usuário livre para se descadastrar na hora que quiser. Sendo assim, forneça um mecanismo para que o cliente deixe de fazer parte do seu mailing e, consequentemente, receber os e-mails. Essa opção pode estar no fim do próprio conteúdo ou, até mesmo, em alguma aba do seu site.

    Gostou de saber mais sobre o spam? Para receber outras dicas valiosas como essa, assine a nossa newsletter e fique atualizado!